Pesquisar

Assembleia Nacional rejeita indicativo sobre MP 507/2010

A Assembleia Nacional Extraordinária realizada nos dias 9 e 10 de dezembro rejeitou o indicativo 12 referente à MP (Medida Provisória) 507/2010 e aprovou os outros 11 indicativos submetidos à apreciação da classe. O indicativo 12, rejeitado por 66,60% dos Auditores-Fiscais, propunha que eles não acessassem informações vinculadas ao sigilo fiscal. A medida proposta ainda sugeria ao Auditor que solicitasse à chefia imediata autorização para o trabalho (de preferência impressa em papel), com o objetivo de protestar contra a MP 507/2010.

 

A manutenção do Unafisco Saúde sob a gerência do Sindicato (indicativo 1) obteve aprovação de 83,93% dos Auditores-Fiscais, e o novo produto do plano (indicativo 2) foi aceito por 53,62% da classe.

Com 84,82%, a categoria referendou o indicativo 3, que propõe que o número de observadores por DS (Delegacia Sindical) na Plenária - 20% dos seus delegados - seja arredondado para cima, com a garantia de, ao menos, um observador. Do indicativo 4 ao 11, sobre alterações estatutárias, a aprovação ficou entre 85% e 98%. As mudanças foram propostas e aprovadas no Conaf 2010 (Congresso Nacional de Auditores-Fiscais da Receita Federal do Brasil) e agora referendadas em Assembleia.

O resultado final foi divulgado pelo Sindifisco Nacional nesta terça-feira, após apuração dos votos de 67 Delegacias Sindicais e cinco localidades.

Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com
  • Vídeos

Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com
  • Fotos

Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com
  • Fiança Locatícia

Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com
  • Classificados