Pesquisar

Solenidade de abertura marca início do Primeiro Encontro de Auditores-Fiscais ativos da DS/BH em Araxá

Precisamos estar mobilizados e preparados para lutarmos por melhores condições de trabalho e por uma política salarial com vistas à reposição das perdas, pela defesa e pelo fortalecimento da Previdência Social Pública e pela justiça fiscal no país”, conclamou a presidente da DS/BH, Adelaide de Macêdo Matos



Na manhã deste sábado, 27 de agosto, foi iniciado o Primeiro Encontro de Auditores-Fiscais ativos da DSBH, no Tauá Grande Hotel e Termas de Araxá. O encontro reúne cerca de 160 participantes, entre Auditores-Fiscais e acompanhantes, de várias cidades do estado, para discutir questões como ações judiciais nacionais e estaduais, tramitação de Propostas de Emendas Constitucionais (PEC) no Congresso Nacional, desoneração da folha de pagamentos e a gestão contemporânea das organizações numa perspectiva caleidoscópica.

 

A presidente da DS/BH, Adelaide de Macêdo Matos, agradeceu a presença dos participantes no evento e disse que o encontro tem por objetivo promover a integração, mobilização e conscientização de todos os Auditores-Fiscais nas atividades desenvolvidas pela DS/BH.

Ao encerrar seu pronunciamento, Adelaide Matos conclamou a todos os Auditores-Fiscais a lutarem juntos pela aprovação das PEC 555 e 270 e pela inclusão dos Auditores-Fiscais na PEC 443 e sua aprovação no Congresso Nacional. “Precisamos estar mobilizados e preparados para lutarmos também por melhores condições de trabalho e por uma política salarial com vistas à reposição das perdas, pela defesa e pelo fortalecimento da Previdência Social Pública e pela justiça fiscal no país”, concluiu.



O delegado adjunto da Delegacia da Receita Federal do Brasil em Belo Horizonte, Fernando Otávio Assunção Baracho, que também participou da solenidade de abertura, elogiou a iniciativa da DS/BH, fez referências positivas à programação do encontro e parabenizou a Diretoria Executiva da DS/BH pela escolha dos temas a serem debatidos.


Sérgio Aurélio discorreu sobre o difícil momento que a categoria enfrenta nas negociações da campanha salarial 2011. Segundo o diretor, os Auditores-Fiscais precisam estar preparados para lutar por uma política salarial justa para a classe, uma vez que os representantes do governo não têm considerado sua importância para o desenvolvimento do país e constantemente adiam as reuniões de negociação com as entidades. “O governo, que antes elogiou a campanha salarial conjunta, neste momento tenta dividir as categorias realizando reuniões com representantes da Polícia Federal em separado das demais carreiras. As categorias não aceitam essa separação imposta pelo governo”, afirmou o diretor.

Sérgio Aurélio informou, ainda, que na próxima segunda-feira, 29 de agosto, o Sindifisco Nacional participará de uma reunião com o secretário da Receita Federal do Brasil, Carlos Alberto Barreto, para saber o posicionamento da Receita Federal do Brasil com relação às negociações da campanha salarial e também para solicitar ao secretário que intervenha junto ao ministro da Fazenda, Guido Mantega, para que as negociações avancem. Sérgio Aurélio ainda destacou a necessidade da categoria permanecer unida para lutar pela valorização da carreira de Auditoria-Fiscal.



A diretora de Comunicação da DS/BH, Lúcia Helena Nahas, foi a mestre de cerimônias do evento e na solenidade de abertura referenciou os objetivos da DS/BH ao realizar o Primeiro Encontro de Auditores-Fiscais ativos, dentre eles a renovação e o fortalecimento da satisfação e do orgulho de realizar o trabalho de cada dia, a reafirmação da nossa participação construtiva e crítica na busca por uma Receita Federal do Brasil votada para os interesses da maioria da sociedade brasileira e a defesa intransigente das prerrogativas dos Auditores-Fiscais. “O saber deve ser sempre uma força vitalizadora. E isto só é possível quando há um intercâmbio estimulante com amigos afins, em cuja companhia se possa debater e procurar aplicar as verdades da vida. Desse modo, o conhecimento se amplia, incorporando múltiplas perspectivas”, enfatizou.
No encerramento da solenidade, a professora Patrícia Tróppia, que realiza uma pesquisa acadêmica pela Universidade Federal de Uberlândia com os Auditores-Fiscais, apresentou sua equipe de pesquisadores e o questionário entregue aos participantes do encontro.

Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com
  • Vídeos

Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com
  • Fotos

Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com
  • Fiança Locatícia

Joomla Templates and Joomla Extensions by JoomlaVision.Com
  • Classificados